Fatima Venzi. Tecnologia do Blogger.

RSS

SOBRE A GREVE DOS PROFESSORES

Este mês de Abril os professores de Brasília fizeram greve para melhores condições de trabalho e salários, e por toda a imprensa viu-se reportagens de alunos reclamando de não ter aulas, então fiquei pensando...será mesmo que estes alunos querem aula ou querem aparecer? Será que é apenas uma forma de pressão sobre a categoria? Esses alunos são mesmo interessados? Não questiono o direito de assistir aula, mas o oportunismo da imprensa sobre o acontecido.
Observo que nada funciona a muito tempo. Com a actual politica de ensino, a escola faliu. Isso mesmo! Nosso ensino esta mesmo falido a muito tempo e tem muita gente boa sonhando com uma melhora milagrosa, mas será que esta formula existe?
Hoje o professor não tem mais tempo de ministrar aulas...e nem quer...apenas cumpre seu horário e garante o seu no final do mês e em contra partida os alunos não querem mesmo nada com nada...
Alguém já se deu conta de como as meninas vão para a escola? A desobrigação da cobrança do uniforme permitiu que elas usem a Instituição para desfilar...não que não cobrem...mas a lei não pode ser cumprida...existem os conselhos para defende-los até mesmo das suas obrigações.
Me pergunto ainda quem é tão pobre que não consegue usar uma camiseta de uniforme (de malha fria e que na maioria das vezes nem precisa passar), calças compridas, meias, tênis, tomar banho,, pentear os cabelos...coisas de higiene!
No tempo que eu estudava o colegial, tínhamos obrigações para com nossa escola, nosso uniforme e nossos deveres de casa e hoje? que obrigações tem nossos alunos?!
Outra pergunta que não quer calar...em Brasília umas das Instituições de Ensino mais respeitada e que todos gostariam de colocar seu filho para estudar é a "Escola Militar de Brasília" que mantem seus alunos em regime disciplinar quase militar. Então se este modelo de Instituição de Ensino é considerado o melhor porque não implanta-lo dentro das Instituições de Ensino Publica? Será que não interessa?! Qual a diferença?
Creio que a diferença seja o real objectivo daqueles que dirigem a primeira daqueles que dirigem a segunda!
O Ensino deveria ser de qualidade é isso que se cobra de todos os professores, mas será que não lhe tiraram demais os direitos e os deram aos alunos e pais (na maioria das vezes ausentes) e lhes cobram o que não lhes oferecem?
O bem da verdade é que ninguém quer mesmo que o ensino publico dê certo!!!
Se assim acontecer como poderão os "Mandantes" do país conduzir de acordo com seus interesses particulares uma grande massa pensante?!
Ainda bem que apesar de tudo isso ainda temos aqueles que acreditam numa educação de qualidade e respeito mutuo e ensinam seus filhos a importância de um educador e da presença da escola durante sua caminhada na vida.
Ainda bem que somos brasileiros e não desistimos nunca....quem sabe um dia teremos um Presidente que realmente se importe com nossa educação e coloque atrás das mesas de dirigentes pessoas que sonhem menos, conheçam a realidade da sala de aula e como o caus se instalou nas escolas no Brasil. Quem sabe!!!!!!

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

2 comentários:

Juliana salles disse...

Muito bom seu texto, ele traduz a realidade do ensino em Brasília e no país. Também sou professora e concordo com vc em número, grau e gênero.
Até que fim encontrei um blog descente na net.

# JP disse...

É isso aí Garota!!!! Vc realmente traduziu o quem acontece no Brasil, agora temos uma Presidenta e quem sabe ela vai ouvir falar de vc e te convida para uma conversa e aí vc passa essa verdade toda para ela ...e juntos transformaremos nossa escola!
Parabens de verdade!!!!!

Pedro Brasilia

Postar um comentário

Este espaço é seu! Deixe aqui suas observações e perguntas, logo que puder, responderei a todos!
Divirtam-se!!!